Relacionamentos, 5 razões porque as pessoas saem do relacionamento a dois

Fim de relacionamento – Pronto Acabou!

Não se pode amar sem renunciar ao egoísmo, já que o egoísmo é na realidade a ausência de amor.
Marília Masgalos

Eu assisti recentemente a um filme em que o personagem principal continuava perguntando às pessoas: “Se duas pessoas se amam, mas não conseguem ficar juntas, qual é a hora de colocar um ponto final?”.

O filme mostra que a resposta correta a esta pergunta é: “nunca”.

Se você é uma pessoa romântica, deve estar tentada a concordar com isso, mas infelizmente, a vida real não funciona desse jeito.

Não conseguir refazer e manter esta relação por um longo período de tempo, é apenas um desperdício do seu próprio tempo.

fim de relacionamento representado por uma corda quase se partindo

Se você tenta por anos, e nunca vê seu relacionamento como “completamente estável”, é sinal que o ponto de “chega” já foi alcançado, porque o amor, por si só, não é suficiente para manter uma relação.

O amor autêntico, aquele que deve ser celebrado é o verdadeiro amor, aquele que une duas pessoas.

Se isso não acontece então algo está errado.

Não viver o amor por um longo período de tempo torna a convivência tóxica.

E você tem que ficar longe desse tipo de relação.

Quando o seu relacionamento parece estar no “limbo” é sinal de há algo de errado com o amor que vocês sentem.

É muito provável que um de vocês tenha “deixado de amar”, e o que ainda liga vocês é o hábito e a simples ideia de estar juntos.

Isso levanta a questão:

Como as pessoas se apaixonam?
O que acontece com alguém que estava “apaixonado” e de repente, faz uma volta de 180 graus e diz: “Eu não amo mais você “?
O amor verdadeiro não deve durar para sempre?

Fim de relacionamento,

Estou certo de que a maioria de vocês que estão passando atualmente por uma ruptura dolorosa fizeram essas mesmas perguntas.

“Como meu namorado / namorada / marido / esposa pode deixar de me amar, assim?”

As pessoas que foram confrontadas com essa terrível realidade de uma separação não conseguem entender como o parceiro tão amoroso pôde de repente se transformar em uma pessoa tão diferente, e muitas vezes até mesmo fria e estranha.

Mas temos que entender que, o que quer que tenha feito com que ele perdesse seu sentimento de amor, aconteceu gradualmente, durante o período de semanas, anos ou meses.

Talvez ele(a) tenha lutado para manter esse amor vivo.
Ele pode ter tido as mesmas dúvidas que você tem hoje, e devem ter havido sinais que você não percebeu.

Excetuando os trapaceiros, abusadores, narcisistas e sociopatas ou psicopatas, (que realmente não amam ninguém). Vamos olhar apenas os parceiros normais.

Se ele lutou pelo relacionamento ou não, e se em algum momento, o amor dele acabou, mas ele, de qualquer maneira, ficou no relacionamento (por lealdade, hábito, aparência, medo …).

Fim de relacionamento

Quanto ele ou ela finalmente resolve iniciar a separação, ele já está em franca fase de recuperação. O parceiro está meses a sua frente.

Isso explica por que ele pode pular de imediato para um novo relacionamento, ou novos relacionamentos.

Muitas vezes ele pode usar um novo relacionamento como catalisador para sair.

É injusto, não é?

E além de toda a dor, aqueles de nós que foram deixados para trás, têm que lidar com o fato de que eles não só foram embora, mas também que alguém tomou NOSSO LUGAR em seu coração.

Se o seu Ex ainda estiver só, considere-se afortunada, pois você vai sofrer menos.

O que nos resta é aceitar essa situação e começar a “Recuperação”.

Então, quais são as cinco principais razões pelas quais as pessoas saem de um relacionamento?
E mais importante, há algo que se possa fazer para evitar isso?

Aqui estão:
As 5 Principais razões pelas quais as pessoas saem de um relacionamento amoroso.

1. Ele(a) não estava apaixonado(a).

A razão pela qual ele pensa estar apaixonado é porque ele confunde “estar apaixonado” com outra coisa.

Isso geralmente acontece quando a pessoa procura um relacionamento para substituir uma necessidade. Por exemplo, a necessidade de não estar sozinho, ou a necessidade de significância.
Os homens costumam usar as mulheres para substituir sua falta de auto-estima ou usá-las como um símbolo de status (mulher trofeu).
Seja como for, acontece muito e confunde-se com o “amor real”.

2. Uma aparentemente “Compatibilidade” se tornou “incompatibilidade”.

Como você bem sabe, no início de um relacionamento vemos o mundo, (e nosso novo parceiro), através de óculos cor de rosa. Tudo é maravilhoso.

Nós nos divertimos tanto, e até parece que fomos feitos um para o outro, … nem se quer teve uma única diferença de opinião, … ainda.

Até que o amor diminua, e lentamente, somos devolvidos à realidade.

De repente, há atritos, há diferenças e lutas terríveis.

Onde está a compatibilidade? desapareceu?

A resposta a isso, para começar, é que ela nunca esteve lá.

Muitas vezes, não somos quem realmente somos.

Ambos deram o seu melhor para ser a versão ideal de vocês mesmos, mesmo que isso significasse se tornar outra pessoa.

Estamos tão desesperadamente tentando agradar o novo parceiro que queremos que haja uma combinação perfeita a todo custo. E então, deixamos de ser quem realmente somos.

É aqui que podemos fazer o melhor no próximo relacionamento

Sempre preservar o que somos!
E se o novo parceiro não gostar de quem ou como eu sou?

Dispense-o. De qualquer maneira, essa nova relação ainda não é uma relação muito significativa. Vocês ainda estão em fase de ajustes.

Você não quer uma relação artificial que exploda após a data de validade, quer?.

Você merece ter uma relação real, com a verdadeira você, como a parte mais importante dessa relação.

Fim de relacionamento

3. Há muito tédio e rotina

Se você não molhar sua planta todos os dias, ela morrerá. Simples assim.

O amor em um relacionamento romântico não é uma coisa abstrata que existe e permanece sozinho, ele deve ser promovido e cuidado diariamente.

Afaste-se daquele “contos de fadas de Disney, felizes para sempre“, esse é o conceito de amor que foi incutido em você desde seus primeiros anos de idade.

O príncipe e a princesa não necessariamente permanecem juntos a vida inteira … há drama, há trapaças, há divórcio no mundo real de hoje.

Um relacionamento próspero é trabalhado. E somente o trabalho o fará crescer.

Isso pode ser feito por rituais de amor diários, sessões semanais de comunicação, (em vez de assistir TV), criando “faróis de memória”, carinho vivo e compartilhando interesses e passatempos mútuos.

4. O relacionamento não entrou na direção desejada para ambos

Quando você começou o relacionamento, você tinha mais ou menos os mesmos objetivos, visões de mundo compartilhadas e expectativas sobre como crescer o relacionamento e pensamentos sobre como fazer o próximo passo lógico juntos.

Embora isso possa ter sido mutuamente honesto, as prioridades podem mudar.

Talvez no início, vocês concordaram em se casar no futuro próximo, com crianças e o pacote completo.

E talvez isso pareça ótimo naquele momento, mas, em seguida, para um de vocês, a prioridade mudou para, por exemplo, obter essa promoção no trabalho, ou um dos parceiros obteve um novo emprego com novos colegas, novos desafios e objetivos, enquanto o outro não conseguiu se adaptar à nova situação.
Coisas como esta criarão problemas e atrito no relacionamento.
Por mais infeliz que seja, não é culpa de ninguém, mas pode fazer com que as pessoas deixem de amar.

5. O amor tornou-se tóxico

Os óculos cor de rosa desapareceram a pouco tempo, e, de repente, os comportamentos são surpreendentes e muito desagradáveis. Por exemplo, as pessoas podem ficar obcecadas com o relacionamento e agir com carência, exigência e apego.

Ou tornam-se descontrolados – eles usam “chantagem emocional”, e muitas vezes se tornam agressivos verbalmente (às vezes até fisicamente).

O relacionamento é executado repentinamente por apenas uma pessoa.
Em suma, eles criam um ambiente tóxico que bloqueia a vida de amor.
Até parar de respirar.

Conclusão

As pessoas se apaixonam, isso é um fato, quer queiramos ou não.

Quanto mais cedo começarmos a ter uma visão realista do amor e corrigir as expectativas de um relacionamento, mais cedo encontraremos o “Amor autêntico”. E acredite em mim, isso é o que todos nós queremos e merecemos.

Então, a resposta para a pergunta lá do início, não deve ser “nunca”, mas “quando não houver mais esperança para o Amor Autêntico”.

Por favor, deixe-me saber sobre suas experiências com o amor e seus pensamentos na seção de comentários abaixo.

Fonte: http://lovesagame.com/5-reasons-why-people-fall-out-of-love/

Você pode gostar também desse vídeo sobre relacionamentos Pronta Para o Romance. 

Ou este artigo do nosso site Como Superar o Término de um Relacionamento

Não se esqueça de curtir a nosso site em sua rede social, os botões estão do lado esquerdo do seu monitor.